top of page

Você funciona melhor de dia ou de noite?

Atualizado: 24 de fev. de 2023



Você é do tipo que acorda cedo e cheio de energia, que chega aos ambientes sociais nas primeiras horas da manhã com um sorriso no rosto e bom humor? Ou está mais para aqueles que brigam com o relógio quando o despertador anuncia que é hora de começar o dia, mas quando chega o happy hour é sempre o mais disposto?


Alguns comportamentos são melhor aceitos pela sociedade que outros, mas o fato é que essas atitudes podem não ter nada a ver com responsabilidade ou preguiça. Essa conduta é mais biológica do que ouvimos falar.


O cronótipo, por meio de vários processos orgânicos, define as preferências do organismo, tornando as pessoas mais diurnas ou noturnas, conforme sua necessidade.


O que a ciência explica?


Para entendermos melhor o funcionamento do cronótipo, vamos conversar sobre alguns elementos importantes: o relógio biológico e a melatonina.


O relógio biológico trata-se de um sistema conduzido pela sequência de horas do dia e é a maneira pela qual nosso organismo se adapta às atividades diurnas e noturnas. Entre as funções do relógio biológico, está a finalidade do cronótipo, que é a sincronização do chamado ritmo circadiano.


O ciclo circadiano representa o andamento das funções fisiológicas do nosso organismo. A luz é um de seus principais estimulantes e é aí que entra a melatonina.


Também conhecida como o hormônio da noite, a melatonina está relacionada com a regulação do metabolismo ao longo do dia e é o hormônio responsável por sinalizar o início da noite. Ela participa da reparação das nossas células expostas a elementos nocivos, como poluição e estresse, além de ser um antioxidante poderoso e combate os radicais livres.


Esses fatores são parte do sistema que diferencia as pessoas que acordam super cedo e cheio de energia dos que preferem virar a noite fazendo atividade, comumente feitas durante o dia.


Quais os tipos de cronótipos?

Agora que já conhecemos os processos biológicos, vamos descobrir onde você se encaixa. Os cronótipos são divididos de forma geral em três segmentos:


Matutino: São aqueles que tem preferência por acordar cedo, já que se sentem mais dispostos e produtivos na parte da manhã. Geralmente não ficam acordados até tarde, pois a produção de melatonina em seu organismo ocorre antes da meia noite.

Segundo o IiMEL*, 25% da população é matutina.


Vespertino: Também chamados de noturnos, tem o pico de produção de melatonina por volta das seis da manhã. Isso faz com que os vespertinos tenham mais disposição durante a fase final do dia, indo deitar muitas vezes durante a madrugada.

Os 25% (IiMEL) que pertencem a este grupo são estes os que mais sofrem, pois, em geral, desrespeitam seu relógio biológico por acreditar que precisam se adaptar às convenções sociais.

Intermediário: De acordo com o IiMEL, o restante da população tem seu pico de melatonina às 3h da manhã, por isso são as mais adaptáveis. Não tendo problemas com horário de verão ou preferências biológicas por manhã ou tarde/noite.


Apesar dessa divisão ser a mais comum, ela ainda é generalista. O MCTQ é um teste desenvolvido pela Universidade Ludwig-Maximilians, na Alemanha, com a intenção de aproximar ainda mais o estilo cronótipo a individualidade biológica. O teste em inglês pode ser encontrado clicando aqui.


A importância de conhecer o seu cronótipo


Ter ciência do seu cronótipo melhora muito sua qualidade de vida. Com essa simples informação, você pode organizar o seu dia de forma mais conveniente, adequar seus horários de trabalho, estudo e lazer ao que é melhor para a sua individualidade biológica.



*IiMEL - Instituto Internacional de Melatonina da Universidade de Granada, na Espanha.



Se sente que seu sono está desregulado ou está com dificuldades, eu criei um e-book chamado "Manual do Sono" para te ajudar a poder identificar o distúrbio do seu sono e qual o tratamento ideal SEM MEDICAMENTOS. Baixe gratuitamente o MANUAL DO SONO.


CLIQUE AQUI para agendar seu PRIMEIRO ATENDIMENTO GRÁTIS pelo WhatsApp, nos conhecermos e conseguirmos juntos melhorar sua qualidade de vida.



230 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page